Sindicato na mídia

MEON: Prefeitura de S. José transfere feriado do dia do servidor para 31 de outubro

Postado em Sindicato na mídia

A Prefeitura de São José dos Campos transferiu o  feriado do Servidor Público, comemorado no dia 28 de outubro (sexta-feira), para 31 de outubro (segunda-feira).

A medida evita que o atendimento prestado por serviços públicos tenha interrupções intercaladas por conta da proximidade com o outro feriado, o de Finados, no dia 2 de novembro (quarta-feira). Com a transferência da data, o expediente nas repartições municipais em novembro terá início no dia 3 (quinta-feira).

De acordo com a prefeitura, o atendimento em serviços essenciais em setores como Saúde, Transportes e Segurança será mantido por  plantões.

Donizetti Souza, diretor do Sindicato dos Servidores Públicos de São José dos Campos, diz que a categoria foi pega de surpresa com essa mudança. "Tínhamos até a nossa festa de comemoração ao dia do servidor programada para o dia 28. A alteração vai ser positiva, mas o prefeito poderia ter tratado isso previamente com o sindicato. Nós nem sabíamos que ia tranferir", conta.

A alteração do feriado do Servidor Público também foi realizada no ano passado. Na oportunidade, o feriado foi transferido de quarta para sexta-feira.

FONTE: http://www.meon.com.br/noticias/regiao/prefeitura-de-s-jose-transfere-feriado-do-dia-do-servidor-para-31-de-outubro

Sindicato apela à Justiça por relatório em S. José

Postado em Sindicato na mídia

O VALE – 18/05/2013

O Sindicato dos Servidores Municipais de São José dos Campos move ação na Justiça para exigir que o secretário de Defesa do Cidadão, José Luís Nunes, forneça relatório com a pontuação dos fiscais de postura da prefeitura para efeito de recebimento de gratificação.

Sindicato eleva o tom contra governo

Postado em Sindicato na mídia

O VALE – 17/05

Sindicato eleva o tom contra governo

O Sindicato dos Servidores Municipais de São José dos Campos aprovou ontem em assembleia da categoria uma série de atividades em protesto pela decisão do prefeito Carlinhos Almeida (PT) de rejeitar as reivindicações de reajuste salarial da classe.

De acordo Donizetti Aparecido de Sousa, os servidores estão "chateados e indignados pela recusa do governo de negociar aumento".

No entanto, o sindicato vai continuar conversando com o governo as cláusulas sociais da pauta de reivindicação.

A principal reivindicação da categoria é aumento real de 14,55%.

"Vamos fazer camisetas, distribuir panfletos e jornais e promover um ato no Paço para mostrar a indignação do servidor", disse Donizetti.

A mobilização deve começar nos próximos dias, informou o diretor sindical.

"O governo diz que não tem recursos financeiros para dar aumento real, mas criou duas secretarias, 29 cargos e reajustou o salário do vice-prefeito", afirmou ele.

O secretário de Governo, Marcos Aurélio Santos, afirmou que foi explicado ao sindicato e aos servidores que este ano o governo não tem condições de dar aumento real em "razão das dificuldades financeiras da prefeitura".

"O governo está aberto ao diálogo e mantém pré-disposição para continuar na mesa de negociação", declarou.

O secretário lembrou que em janeiro deste ano foi disparado o gatilho salarial de 5% e que há previsão de concessão de novo gatilho salarial até o final do ano.

"O governo repôs a inflação e vai continuar negociando as cláusulas sociais com o Sindicato dos Servidores".

http://www.ovale.com.br/regiao/sindicato-eleva-o-tom-contra-governo-saiba-mais-1.404689

O VALE: Servidores atacam nomeações do PT em São José

Postado em Sindicato na mídia

O Sindicato dos Servidores Municipais de São José dos Campos lançou críticas ao governo do prefeito Carlinhos Almeida (PT) por “manter funcionários ligados ao PSDB em postos comissionados do governo”.

A entidade distribuiu aos servidores na última terça-feira 1.500 panfletos com críticas ao governo.


“Responsáveis por cuidar do dia-a-dia da população, os servidores públicos municipais sofreram por 16 anos com o PSDB em São José dos Campos e nas últimas eleições foram fundamentais para derrubar o partido”, diz trecho do panfleto.

“Mesmo assim, muitos aliados políticos do PSDB ainda continuam plantando a semente da maldade. Maquiados de chefias do bem, perseguem, assediam e humilham trabalhadores”, afirma outro trecho do panfleto distribuído na porta do Paço Municipal.
Segundo Donizetti Aparecido de Sousa, diretor do sindicato, o governo do PT “ainda mantem tucanos ou aliados do PSDB em cargos de confiança”. “Há situações assim na Secretaria de Defesa do Cidadão e na SSM”, disse.


Segundo ele, os funcionários municipais estariam “indignados com essa situação”.
“Os aliados do PSDB voltaram ou estão voltando para o poder novamente. Não foi pra isso que o servidor votou pela mudança, mas para avançar”, declarou o sindicalista.
Segundo o sindicato, foram distribuídos 1.500 panfletos.
 

Em nota, o Gabinete do prefeito Carlinhos informou que “os cargos na atual Administração são ocupados por pessoas compromissadas com os programas do Partido dos Trabalhadores e da base aliada”. O governo informou ainda que também é levado em conta o perfil técnico apresentado e a capacidade de gerenciamento do candidato ao cargo
 

A entidade também está em campanha salarial e aguarda agendamento de reunião com o governo.

Fonte: http://www.ovale.com.br/nossa-regi-o/servidores-atacam-nomeac-es-do-pt-em-s-o-jose-1.399725

Confira aqui o material citado na matéria:
http://www.sindserv.org.br/site/index.php/noticias/campanha-salarial/72-1-de-maio-trabalhadores-querem-mais-do-que-festas

FACEBOOK DO SINDSERV SJC